Artes moçambicanas e outras modernidades

Palestras UNIFESP
Artes moçambicanas e outras modernidades

→ Entre mercado, anticolonialismo e construção da nação

Palestra UNIFESP | Artes moçambicanas e outras modernidades: entre mercado, anticolonialismo e construção da nação

Mariana Fujisawa

Quarta-feira, 16 de junho de 2021, das 19h às 21h

Gratuito ou contribuição voluntária de qualquer valor

95 vagas por ordem de inscrição

Plataforma Zoom

Imagem: Malangatana Ngwenya (1961), Monstros Grandes Devorando Monstros Pequenos, Óleo Unitex, Fundação Mário Soares.

Com uma abordagem que destaca produções artísticas pouco conhecidas no Brasil, a palestra discutirá como se deu o processo de formação da ideia de modernidade artística em Moçambique.

Mariana Fujisawa apresentará como a arte mobilizou-se junto à política e à sociedade no contexto das opressões coloniais nas décadas de 1960 e 1970. Esse período, inclusive, foi marcado pela luta anticolonialista contra Portugal, antecedendo a independência moçambicana, ocorrida em 1975.

A partir desse panorama, Mariana buscará analisar o surgimento e incorporação dos estilos shetani e ujamaa nas esculturas makonde, assim como a elaboração das pinturas em tela do artista Malangatana Valente Ngwenya, de modo a ilustrar e contextualizar diferentes modernidades desenvolvidas e expressadas no país africano.

Público-alvo

Público geral interessado em arte, história e cultura.

Parceria
Mariana Fujisawa

Mariana Fujisawa é mestranda em História da Arte pelo Programa de Pós-Graduação em História da Arte da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), graduada em Letras pela Universidade de São Paulo (USP) e fez intercâmbio na Universidade Eduardo Mondlane, em Maputo, Moçambique, em 2014. Também é artista plástica, escritora e ilustradora de livros.

Relacionados

Lançamento do Catálogo

Ecos do Modernismo

Ética e etiqueta