Pagu e Antonieta Rivas Mercado

Palestra
Patrícia Galvão (Pagu) e Antonieta Rivas Mercado

→ Trajetórias e práticas políticas de duas mulheres inquietas

Palestra - Patrícia Galvão (Pagu) e Antonieta Rivas Mercado: trajetórias e práticas políticas de duas mulheres inquietas

Romilda Costa Motta

Quarta-feira, 9 de março, das 19h às 21h

R$ 20,00 (inteira); R$ 10,00 (meia)

Bolsas serão disponibilizadas com a solicitação pelo e-mail [email protected]

300 vagas por ordem de inscrição

Plataforma Zoom

Com intérprete de Libras

Imagem: Foto de Antonieta Rivas Mercado, propriedade Fundação Rivas Mercado A.C. Foto de Patricia Galvão, acervo familiar.

Nesta palestra, a Profa. Dra. Romilda Costa Motta apresentará as suas análises e resultados de suas pesquisas demonstrando como Pagu e Antonieta Rivas Mercado foram protagonistas nos campos da cultura e da política, nos anos 1920 e 1930.

Patrícia Galvão (Pagu) e Antonieta Rivas Mercado foram mulheres que política, ideológica e subjetivamente inauguraram novos paradigmas cuja ousadia foi a de ter rasgado a cortina divisória entre o pessoal e o político, inscrevendo a maternidade em parâmetros que desafiavam com obstinação a moral burguesa e tradicional da mulher voltada para dentro, mãe zelosa do lar e dos filhos, espectro do marido, anulada em seus próprios projetos.

A partir da análise das biografias destas personagens fascinantes, a proposta objetiva trazer reflexões acerca das lutas de mulheres na busca pela ampliação de direitos a uma maior participação em atividades que ultrapassam as fronteiras do espaço doméstico.

Suas trajetórias dão mostras de que em diferentes tempos históricos mulheres inquietas enfrentaram preconceitos e pagaram custos sociais e pessoais altos, ao ousarem fazer escolhas, ultrapassando barreiras de gênero, ao se envolverem em atividades vistas, hegemonicamente, como destinadas ao masculino.

Público-alvo

Pesquisadoras (es) em História das Mulheres e Relações de Gênero, Mulheres e Arte. Público geral interessado na temática relacionada à História das Mulheres, gênero, cultura, política e sociedade.

Romilda Costa Motta

Romilda Costa Motta é doutora em História pelo Programa de Pós-graduação em História Social, da USP, com estudos na área de América Latina. Professora com larga experiência nos diferentes ciclos. Suas pesquisas e publicações passam pelas temáticas da História das Mulheres e Relações de gênero, Escritas de Si e Cultura e Política. É Co-coordenadora do GRUPEGH (USP) - Grupo de Pesquisa em Gênero e História. Já participou e/ou coordenou atividades no SESC/Paulista (“Mulheres que escrevem – para o mundo, para a História”), No Centro de Pesquisa e Formação (Sesc) e na Casa Mário de Andrade. Entre suas publicações, destaque para os livros José Vasconcelos. As Memórias de um “Profeta Rejeitado”(Editora Alameda, 2015) e “Em busca de liberdade. Praticas políticas e representações de si nos escritos autobiográficos de Patrícia Galvão e Antonieta Rivas Mercado``. (Editora Intermeios, 2021). Atualmente atua como pesquisadora colaboradora na UFABC, no curso de Especialização em Direitos Humanos.

Relacionados

Lançamento do Catálogo

Ecos do Modernismo