O 13 de maio e outras estórias do pós-abolição de Astolfo Marques

Palestra
O 13 de maio e outras estórias do pós-abolição de Astolfo Marques

Palestra | O 13 de maio e outras estórias do pós-abolição de Astolfo Marques

Matheus Gato

Sábado, 20 de novembro, das 11h às 13h

Gratuito ou contribuição voluntária

150 vagas por ordem de inscrição

Plataforma Zoom

Com intérprete de Libras

Imagem: Desenho da Capa do Livro “O 13 de Maio e outras estórias do pós-abolição de Astolfo Marques”, organizado por Matheus Gato

Esta palestra analisará as condições sociais de possibilidade para emergência de intelectuais negros no fim do século XIX, levando em conta a trajetória de Astolfo Marques.

A investigação culminou na recente publicação da obra, organizada por Matheus Gato, “O 13 de Maio e Outras Estórias do Pós-abolição de Astolfo Marques”.

Além disso, objetiva-se investigar as representações sobre a abolição contida em sua obra que nos permitem uma compreensão abrangente sobre o fim da escravidão do ponto de vista da gente negra.

Com isso, serão examinados os significados contemporâneos do 13 de maio e do 20 de novembro (dia consciência negra) e as diferentes leituras das histórias possíveis a partir da obra de escritores negros como Astolfo Marques.

Público-alvo

Estudantes, professores, pesquisadores e interessados em geral

Matheus Gato

Matheus Gato é professor do Departamento de Sociologia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade de Campinas (IFCH-UNICAMP). É pesquisador do Núcleo Afro do Centro de Brasileiro de Análise e Planejamento (CEBRAP) e Coordenador do Bitita: Núcleo de Estudos Carolina de Jesus (IFCH/UNICAMP). É doutor em sociologia pela Universidade de São Paulo (2015) e realizou pós-doutorado na mesma instituição (2016-2019). Foi visiting fellow no Hutchins Center for African and African American Studies da Universidade de Harvard (2017-2018). Seus principais temas de investigação são: racismo, classificações raciais, violência racial, intelectuais negros, literatura e pós-abolição. É autor do livro ``O Massacre de Libertos: sobre raça e república no Brasil (1888-1889)`` Prêmio ANPOCS de melhor obra científica. É organizador do livro ``O 13 de Maio e Outras Estórias do Pós-abolição de Astolfo Marques``.

Relacionados

Lançamento do Catálogo

Ecos do Modernismo

Hóspede com Flora Rebollo