Militão

Palestra
Fotografia e cidade

→ O teatro urbano de Militão Augusto de Azevedo

Palestra | Fotografia e cidade: o teatro urbano de Militão Augusto de Azevedo

Marcos Fabris

Sábado, 27/04/2019 das 11:00 às 13:00

R$ 40,00

30 vagas por ordem de inscrição

*Imagem: Militão Augusto de Azevedo (Domínio Público)

A palestra tem por objetivo apresentar e discutir a produção fotográfica de Militão Augusto de Azevedo (1837 – 1905), um dos mais importantes fotógrafos brasileiros do século XIX.

Conhecido por retratos representativos de celebridades de sua época, incluindo o imperador D. Pedro II, Militão entrará para a História da Fotografia com seus registros da paisagem citadina.

Sua experiência como ator de teatro, atividade exercida antes da prática fotográfica, será decisiva nos modos e métodos inovadores utilizados para a representação da cidade.

Buscaremos investigar em particular como a capital paulistana é representada no seu “Álbum Comparativo de Vistas da Cidade de São Paulo” (1862 – 1887), problematizando tanto a febre dos álbuns fotográficos dedicados ao registro das cidades quanto as fronteiras entre fotografia documental e fotografia artística.

Marcos Fabris

Marcos Fabris é doutor pela FFLCH-USP com pós-doutorado na Universidade de Columbia (Nova York), Université Paris Ouest Nanterre (Paris), MAC-USP, FFLCH-USP e UNIFESP (São Paulo). É autor dos livros Correspondências: pintura, fotografia e o retrato da modernidade, Trabalho da encenação – ensaios sobre fotografia norte-americana e Imagem e História. É crítico de arte associado à Associação Brasileira de Críticos de Arte (ABCA).

Relacionados

Sons da Obra